O menu Compras > Stocks confere o acesso à área de stocks e inventário, ao controlo e gestão de todos os movimentos de stocks gerados pelos documentos de compra, de venda e de regularização.

 

Estão enquadradas neste menu as existências, os produtos a encomendar, tarefas de acertos de stock, registo de consumos internos e também a criação de sugestões de stock.


 


Existências


O menu Compras > Stocks > Existências permite a consulta e visualização das existências dos produtos, apresentando a quantidade de stock, o Preço de Custo Médio atualizado e a respetiva Valorização.


Aqui poderá também procurar os produtos por código ou descrição através do preenchimento do campo de pesquisa livre que se encontra à direita.


Por acesso ao menu deslizante poderá também optar pelas seguintes ações:

  • Ver extrato de artigo - permite o acesso ao extrato de movimentos do produto.
  • Adicionar a um acerto de quantidade - permite a emissão do documento de Acerto de Quantidade para o Produto.




Produtos a encomendar


No menu Compras > Stocks > Produtos a encomendar poderá consultar a listagem de Produtos e respetivas quantidades a repor. De ressalvar a importância do preenchimento dos campos Stock Mínimo e Stock de Reposição na ficha de artigo, que pode ser editada no menu Empresa > Itens > Produtos.


Aqui poderá também procurar os produtos por código ou descrição através do preenchimento do campo de pesquisa livre que se encontra à direita.


Por acesso ao menu deslizante poderá também optar pelas seguintes ações:

  • Ver extrato de artigo - permite o acesso ao extrato de movimentos do produto.
  • Adicionar a um acerto de quantidade - permite a emissão do documento de Acerto de Quantidade para o Produto.


Passando o cursor sobre  barra de cor no início de cada linha, terá a indicação se as existências do produto atingiram o stock mínimo ou se estão abaixo do stock mínimo.


 


Acertos de stock


O menu Compras > Stocks > Acertos de stock permite o acesso à criação dos documentos de regularização de stock Acerto de quantidade e Definição de stock, apresentando, em linha, os documentos de regularização criados.


 


1. Acerto de quantidade


O documento Acerto de Quantidade permite a regularização / retificação da quantidade de stock das existências, sem promover qualquer alteração no PCM (Preço de Custo Médio).


Para proceder à emissão de um Acerto de Quantidade, bastará clicar no botão + Acerto de quantidade, sendo encaminhado para a caixa de seleção da data de emissão do documento. Selecionada a data de emissão pretendida, será encaminhado para a caixa de diálogo de emissão do documento de regularização.


 

Em alternativa, o Acerto de quantidade poderá ser realizado a partir do carregamento de um ficheiro Excel. Para tal, primeiramente, deverá ser descarregado o Excel para contagem, no menu  Compras > Stocks > Acertos de stock, à direita. Depois de preenchido, o ficheiro deverá ser carregado através da seleção da seta cinzenta que aparece à direita do botão + Acerto de quantidadeclicando em Carregar inventário.



Deverá, assim, indicar a data do acerto de quantidade e carregar o ficheiro Excel, clicando na área designada para o efeito, ou arrastando o ficheiro para a área.




2. Definição de stock


O documento Definição de Stock permite a regularização da quantidade e do PCM (Preço de Custo Médio) das Existências. De salientar que a Definição de Stock, uma vez que permite a definição de um novo PCM, ignora o PCM histórico, apurado a partir dos movimentos de stock anteriores.



Para proceder à emissão de uma Definição de Stock, bastará clicar no botão + Definição de stock, sendo encaminhado para a caixa de seleção da data de emissão do documento. Selecionada a data de emissão pretendida, será encaminhado para a caixa de diálogo de emissão do documento de regularização.


Em alternativa, a Definição de stock poderá ser realizada a partir do carregamento de um ficheiro Excel. Para tal, primeiramente, deverá ser descarregado o Excel para contagem, no menu  Compras > Stocks > Acertos de stock, à direita. Depois de preenchido, o ficheiro deverá ser carregado através da seleção da seta cinzenta que aparece à direita do botão + Definição de stockclicando em Carregar inventário.



Deverá, assim, indicar a data da definição de stock e carregar o ficheiro Excel, clicando na área designada para o efeito, ou arrastando o ficheiro para a área.



Note-se que, quando é criado um documento de Definição de stock ou Acerto de quantidade numa determinada data, se já existirem documentos deste tipo (definições e/ou acertos) criados anteriormente, não será possível editar os documentos primeiramente gerados.



3. Inventário Final


O documento Inventário Final deve ser utilizado para indicar as quantidades de stock existentes à data final do ano respetivo, por isso, só pode ser gerado uma vez. Neste documento, devem constar as quantidades finais de cada ano a enviar à Autoridade Tributária. 

 

Para proceder à emissão do Inventário Final, bastará clicar no botão + Inventário Final, sendo encaminhado para a caixa de seleção do ano a que o documento diz respeito. Selecionada a data de emissão pretendida, será encaminhado para a caixa de diálogo de emissão do documento.



Em alternativa, o Inventário Final poderá ser realizado a partir do carregamento de um ficheiro Excel. Para tal, primeiramente, deverá ser descarregado o Excel para contagem, no menu  Compras > Stocks > Acertos de stock, à direita. Depois de preenchido, o ficheiro deverá ser carregado através da seleção da seta cinzenta que aparece à direita do botão + Inventário Finalclicando em Carregar inventário.



Deverá, assim, indicar o ano do inventário final e carregar o ficheiro Excel, clicando na área designada para o efeito, ou arrastando o ficheiro para a área.




Consumo Interno


No menu Compras > Stocks > Consumo Interno poderá consultar a listagem de Consumos Internos registados, bem como criar novos documentos.


 

Por acesso ao menu deslizante poderá optar pelas seguintes ações:

  • Alterar consumo interno - abre a caixa de diálogo do consumo interno, permitindo a sua edição.
  • Imprimir consumo interno - permite a impressão do documento de consumo interno.
  • Eliminar consumo interno - permite a eliminação do documento.


Para proceder com o registo de um consumo interno deverá selecionar o botão + Novo Consumo Interno, sendo encaminhado para a caixa de diálogo de registo do documento. Aqui, deverá indicar a data do consumo e selecionar os produtos a registar e as respetivas quantidades consumidas.


 


Sugestão de stock


No menu Compras > Stocks > Sugestão de stock, poderá atualizar as quantidades de stock de reposição dos produtos, tomando por referência o seu histórico de vendas e acrescentando uma margem de segurança.


 

Para proceder com o cálculo de uma sugestão de stock deverá selecionar o botão +Sugestão de Stock, sendo encaminhado para a janela de seleção dos produtos e critérios de sugestão.


 

Deverá começar por selecionar o Produto ou Família de Produtos para os quais pretende produzir o relatório de Sugestão de Stock, efetuando a pesquisa nos campos Produto ou Família. Caso pretenda a Sugestão de Stock para todos os produtos, bastará que mantenha os campos Produto e Família não preenchidos.

 

De seguida, terá de definir o período do histórico de vendas que pretende considerar, no campo Baseado nos últimos, assim como a Margem acima das vendas.


Após o preenchimento desta informação deverá ser selecionado o botão Sugerir stock para dar início ao cálculo de sugestão de stock.